e-G8 vs INTERNET - NOM no Controle Global da Rede



 Após 15 anos de luta contra o compartilhamento em nome de uma lei de copyright obsoleta, governos de todo o mundo estão juntando forças para controlar e censurar a Internet. O black-out na internet do Egito, a reação do governo norte-americano ao Wikileaks, a adoção de mecanismos de bloqueio de websites na Europa, ou os planos para o “corte relâmpago da Internet”, são ameaças significativas a nossa liberdade de expressão e comunicação. Estas ameaças vêm de corporações e políticos, incomodados pelo advento da Internet. Diante dessa conjuntura, percebemos claramente que os globalistas "Illuminati" da N.O.M, conseguiram colocar seus tentáculos no projeto e criação exclusiva de um Fórum mundial, denominado e-G8, que tem por objetivo exatamente controlar a internet global. Com esse fórum em plena ação podemos esperar que em questão de pouco tempo, teremos a regularização e o controle global total da internet.


    Sarkozy encontra Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, em fórum e-G8 

Como país anfitrião do e-G8, o presidente Nicolas Sarkozy quer dar um passo a mais no controle da Internet. Ele convocou líderes mundiais para uma cúpula em busca de uma “Internet civilizada”, conceito emprestado do governo chinês. Criando temores como “cyber-terrorismo”, o objetivo é generalizar regras de exceção a fim de estabelecer a censura e o controle, em nome da liberdade de expressão e outras liberdades civis.

Esta política vem sob discursos como “democracia” e “responsabilidade”, mas basta olharmos para suas ações. Sarkozy já permitiu o corte na Internet de cidadãos e a censura de conteúdos online na França.

O fórum e-G8, organizado pelo presidente da França Nicolas Sarkozy, reuniu em Paris a nata da tecnologia. Entre os convidados para o diálogo estavam Eric Schmidt, chefe de conselho do Google, Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, e Jeff Bezos, fundador da Amazon, entre outros. O objetivo do encontro foi formular uma proposta conjunta sobre a melhor maneira de regulamentar a internet em todo o mundo. Os fundadores do Facebook, da Wikipedia, Jim Wales, além do atual presidente do Google, ouviram o presidente francês defender a regulamentação do uso da web para evitar a "anarquia" e impedir que as empresas que dominam o meio vivam em um universo paralelo

Publicamente falando, as empresas, as maiores e mais influentes do setor, mostraram ser contra qualquer tipo de cerceamento da liberdade na internet e ainda destacaram categoricamente que a auto-regulamentação da rede acontecerá com o tempo. Isso é o que dizem retóricamente!



Sarkozy tem um histórico de críticas à internet. Recentemente, após encontrar o Papa Bento XVI, o presidente francês fez o seguinte pronunciamento: "Corrigir os excessos e abusos, comuns em um ambiente desprovido de regras, é um imperativo moral." Em outras ocasiões, Sarkozy já havia definido o ambiente digital como "Oeste selvagem", que seria necessário não apenas regular, mas também "limpar" e "civilizar". Nestes dois dias de e-G8 não foi diferente. "Não deixem a revolução que vocês lançaram veicular o mal sem freios", disse Sarkozy aos representantes das grandes empresas do setor.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...